A Respiração no Pilates

respiração1

 

 

 

Fala-se muito sobre a importância da respiração durante a execução dos exercícios  de Pilates, mas você realmente sabe os benefícios que ela oferece?

Vamos entender um pouco mais agora e usufruir dos  profundos resultados que esta irá lhe proporcionar.

Joseph, criador do método, dizia:  “Respirar é o primeiro e último ato da vida. Nossa vida depende disso. Visto que não podemos viver sem respirar, é tragicamente deplorável contemplar os milhões e milhões que nunca aprenderam a dominar a arte de respirar corretamente (…)”

Para Craig (2005) respirar corretamente nutre o corpo e elimina toxinas. Na inspiração, o oxigênio passa pelas células, purifica a circulação sanguínea e alimenta os músculos; na expiração os gases que estavam estocados são liberados. A respiração, quando correta, é uma força poderosa para aliviar a tensão nervosa e controlar diretamente os níveis de energia.

A respiração será o começo do exercício e há um padrão respiratório que acompanha  cada exercício. Esses padrões são flexíveis e podem ser alterados de acordo com as necessidades e limitações de cada aluno. A regra geral é inspirar pelo nariz para preparar e expirar pela boca para fazer. Empenhamo-nos na respiração natural e não na forcada ou controlada. Acima de tudo, não prenda sua respiração (Craig, 2005).

Durante a aula enfatizamos  a respiração na parte inferior da caixa torácica tridimensionalmente, com ênfase na  expansão lateral e posterior da caixa torácica, já que nessas áreas ocorre a mais eficiente troca gasosa.

A respiração adequada vai favorecer  a  ativação dos estabilizadores profundos do tronco, a ativação simultânea do assoalho pélvico, multífidos e transverso do abdômen  promovendo assim uma melhor estabilização da pelve e da coluna, particularmente da coluna lombar.

Realizar uma respiração apropriada durante o exercício encoraja a oxigenação efetiva do sangue, ajuda a relaxar os músculos e evitar qualquer tensão desnecessária no corpo. Um padrão de respiração relaxado e completo ajuda a focar a mente e permite uma melhor concentração em cada tarefa.

A respiração correta também está muito vinculada ao nosso centro emocional. Por  meio dela podemos ter um maior controle das nossas emoções e assim  melhorar  o nosso comportamento. Além disso, ao reeducar a respiração, o nosso sistema imunológico fica mais forte, inclusive para enfrentar doenças respiratórias, gastrites nervosas, enxaquecas e má digestão; o processo de eliminação das toxinas do nosso corpo é melhorado; as funções orgânicas ficam mais equilibradas; a energia vital do nosso corpo é aumentada; e a nossa mente fica mais viva e alerta, obtendo, assim, uma melhor saúde e qualidade de vida.

As ações de inspirar pelo nariz profundamente e expirar calmamente todo o ar que você colocou para dentro dos pulmões  devem fazer parte do seu dia a dia.

Tente agora mesmo: respire fundo e perceba. Você não se sente  mais relaxado?

 

Fonte: CRAIG, C. Pilates com a Bola. 2ª ed. São Paulo: Phorte, 2005.

http://www.pilates.com.br/novidades/sabia-que-respirar-corretamente-faz-toda-a-diferenca/

by Karina Chaparro

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>